Duvivier rebate críticas à sua declaração de que Jesus era comunista

O ator e escritor Gregório Duvivier rebateu nesta segunda-feira, 1º, as críticas ao artigo em que diz que Jesus Cristo era "baderneiro comunista defensor de bandido e prostituta"; "Sim, pra muita gente, Jesus é uma espécie de genocida rancoroso que não suporta ouvir uma piada e sai matando geral, até quem já morreu", diz ele; "Que Deus pequeno, esse de vocês. Um Deus que se incomoda com piada, um Deus que fica chateado quando vocês transam, um Deus que se importa com o que vocês vestem, isso não é um Deus, isso é um síndico que mora no andar de baixo", acrescenta

O ator e escritor Gregório Duvivier rebateu nesta segunda-feira, 1º, as críticas ao artigo em que diz que Jesus Cristo era "baderneiro comunista defensor de bandido e prostituta"; "Sim, pra muita gente, Jesus é uma espécie de genocida rancoroso que não suporta ouvir uma piada e sai matando geral, até quem já morreu", diz ele; "Que Deus pequeno, esse de vocês. Um Deus que se incomoda com piada, um Deus que fica chateado quando vocês transam, um Deus que se importa com o que vocês vestem, isso não é um Deus, isso é um síndico que mora no andar de baixo", acrescenta
O ator e escritor Gregório Duvivier rebateu nesta segunda-feira, 1º, as críticas ao artigo em que diz que Jesus Cristo era "baderneiro comunista defensor de bandido e prostituta"; "Sim, pra muita gente, Jesus é uma espécie de genocida rancoroso que não suporta ouvir uma piada e sai matando geral, até quem já morreu", diz ele; "Que Deus pequeno, esse de vocês. Um Deus que se incomoda com piada, um Deus que fica chateado quando vocês transam, um Deus que se importa com o que vocês vestem, isso não é um Deus, isso é um síndico que mora no andar de baixo", acrescenta (Foto: Aquiles Lins)

247 - O ator e escritor Gregório Duvivier rebateu nesta segunda-feira, 1º, as críticas ao artigo em que diz que Jesus Cristo era "baderneiro comunista defensor de bandido e prostituta". Duvivier respondeu a um deputado-pastor, cujo nome não foi citado, que convocou seguidores a atacá-lo após o texto. 

"Sim, pra muita gente, Jesus é uma espécie de genocida rancoroso que não suporta ouvir uma piada e sai matando geral, até quem já morreu. Não sei de onde tiraram isso. Procurei no Novo Testamento, mas não achei nenhuma menção de Jesus ao destino dos humoristas", diz 

"Que Deus pequeno, esse de vocês. Um Deus que se incomoda com piada, um Deus que fica chateado quando vocês transam, um Deus que se importa com o que vocês vestem, isso não é um Deus, isso é um síndico que mora no andar de baixo", acrescenta o humorista.

Leia na íntegra a coluna de Gregório Duvivier na Folha de S. Paulo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247