Folha chama Weintraub de 'sabujo expelido' em editorial

"A tagarelice golpista pôs fim à sua curta e vexatória passagem pelo MEC", diz um trecho do editorial da Folha deste sábado (20), sobre a saída de Abraham Weintraub do Ministério da Educação

Abraham Weintraub
Abraham Weintraub (Foto: Alessandro Dantas)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em editoral publicado neste sábado (20), o jornal Folha de S. Paulo classifica a "saída forçada" de Abraham Weintraub do Ministério da Educação como "alento ao país".

"A tagarelice golpista pôs fim à sua curta e vexatória passagem pelo MEC, que só não foi mais danosa porque o provimento prioritário de ensino básico está a cargo dos governos estaduais e municipais", diz um trecho do editorial, que diz que o "sabujo foi expelido".

Para a Folha, a indicação do ex-ministro para ocupar uma vaga no Banco Mundial é mais uma tentativa de envergonhar o país, justamento num órgão que, ironicamente, "é uma das instituições de um tal globalismo satanizado pela direita populista" de Bolsonaro.

"A valentia de arruaceiro das redes sociais se compatibiliza, de súbito, com o conforto de uma sinecura bem remunerada e distante da Justiça brasileira. Lá, não terá ou não saberá o que fazer, mas isso nunca foi empecilho para o bravo sabujo de Bolsonaro", conclui. se referindo aos processos que Wrintraub responde na Justiça.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247