Folha pede que você use roupas amarelas em nome do que o jornal entende por democracia

Jornal Folha de S. Paulo, que apoiou o golpe de estado contra Dilma Rousseff e a eleição de 2018 sem Lula, faz campanha pelo amarelo, que se tornou uniforme de fascistas nos últimos anos

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O jornal Folha de S. Paulo, que fez campanha pelo impeachment sem crime de responsabilidade da ex-presidente Dilma Rousseff e pela retirada dos direitos políticos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, fenômenos que permitiram a ascensão do bolsonarismo, lançou neste domingo uma "campanha pela democracia", em que pede que os brasileiros resgatem a cor amarela – que foi apropriada pelo neofascismo brasileiro.

"A Folha busca inspiração no seu papel histórico nas Diretas Já para resgatar a cor amarela como símbolo da democracia", diz o jornal, em editorial publicado neste domingo.

"Assim, as vitrines das edições dominicais trarão uma faixa dessa cor com os dizeres #UseAmarelo pela Democracia, e o slogan da Folha desde 1961, UM JORNAL A SERVIÇO DO BRASIL, passa temporariamente para UM JORNAL A SERVIÇO DA DEMOCRACIA até as próximas eleições presidenciais", finaliza o editorialista, sinalizando que o jornal também será tolerante com o governo de Jair Bolsonaro, assim como defende o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247