Folha prioriza assinantes em comentários do site

Nova política do jornal determina que leitores pagantes possam comentar em quantas matérias ou artigos quiserem; internautas que não assinam o conteúdo do veículo terão limite de opinar em 20 textos por dia

Folha prioriza assinantes em comentários do site
Folha prioriza assinantes em comentários do site
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Os assinantes da Folha de S.Paulo têm tido cada vez mais prioridade em comparação aos leitores que não pagam pelo conteúdo do jornal. Uma mudança na política de comentários do site do veículo, que entra em vigor nesta terça-feira 29, restringe a opinião desses leitores para no máximo 20 textos por mês.

Enquanto isso, os assinantes poderão continuar comentando em toda e qualquer matéria e artigo do portal, sem limite de textos. A equipe da Redação da Folha ficará responsável pela moderação dos comentários e também pela seleção de artigos e matérias que serão liberadas para opiniões dos internautas. Já os comentários feitos nos blogs continuarão a ser administrados pelo autor da seção.

De acordo com o jornal, a nova política tem como objetivo "melhorar a qualidade dos comentários" do site, cuja equipe não consegue ler e moderar manualmente todos as opiniões dos internautas – mais de cinco mil por dia, segundo a Folha. O jornal diz ainda que os diversos filtros já instalados na página não deram certo e que, por isso, tem sido questionado com frequência pelo Ministério Público.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247