Glenn aponta um Brasil surreal: o corrupto Flávio Bolsonaro opina sobre o futuro PGR

O jornalista Glenn Greenwald criticou a série de abusos cometidos por Bolsonaro para proteger o seu clã. "Um homem que todo mundo sabe é corrupto, opina sobre quem deveria ser o PGR: tudo porque seu pai está desmantelando a democracia para protegê-lo", diz ele, referindo-se a Flávio Bolsonaro

(Foto: Senado | Reprodução)

247 - O jornalista Glenn Greenwald, editor do site The Intercep, criticou a série de abusos cometidos por Bolsonaro para proteger o seu clã. "Um homem que todo mundo sabe é corrupto, opina sobre quem deveria ser o PGR: tudo porque seu pai está desmantelando a democracia para protegê-lo", diz ele, referindo-se a Flávio Bolsonaro. 

Apesar de todas as denúncias envolvendo seu nome, Flávio se sente à vontade até mesmo para opinar sobre o nome do próximo presidente da Procuradoria Geral da República (PGR), cargo que será indicado nos próximos dias por Bolsonaro. 

 "Vai botar um petista na PGR? Vai bota um cara do PSOL? Óbvio (que não), tem alguma coisa de anormal nisso? É uma pergunta que tem que fazer para o presidente, ele que vai saber os critérios, mas no meu entendimento... Vai botar um cara que vai trabalhar contra as pautas voltadas para meio ambiente, segurança pública, costumes? Não tem sentido", disse ele ao jornal O Globo. 

Veja a postagem de Glenn: 

Nas últimas semanas, Bolsonaro: 

- Colocou em xeque o poder do diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, para escolher o chefe da superintendência da PF no Rio de Janeiro. Valeixo 

-Transferiu, através de medida provisória, o Coaf para o Banco Central e, com isso, retirar do cargo o atual presidente do órgão, Roberto Leonel, indicado ao posto por Moro, que via o Coaf como peça-chave na sua proposta de combate à corrupção.

Glenn também criticou a postura de Moro: 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247