Golpe foi burrada histórica, diz Socialista Morena

"Faz um ano já. Um ano que a presidenta Dilma Rousseff, uma mulher honesta, foi arrancada do cargo para o qual foi reeleita, golpeada por um movimento encabeçado pela mídia comercial, empresários sanguessugas, setores do judiciário e os políticos mais corruptos do país. O que aconteceu desde então? O efeito imediato foi o Brasil decair aos olhos do mundo. Aquele país emergente, que desde a ascensão de Lula ao poder, em 2003, tinha começado a ter voz e a ser respeitado lá fora, voltou a ser uma republiqueta", diz a jornalista Cynara Menezes

"Faz um ano já. Um ano que a presidenta Dilma Rousseff, uma mulher honesta, foi arrancada do cargo para o qual foi reeleita, golpeada por um movimento encabeçado pela mídia comercial, empresários sanguessugas, setores do judiciário e os políticos mais corruptos do país. O que aconteceu desde então? O efeito imediato foi o Brasil decair aos olhos do mundo. Aquele país emergente, que desde a ascensão de Lula ao poder, em 2003, tinha começado a ter voz e a ser respeitado lá fora, voltou a ser uma republiqueta", diz a jornalista Cynara Menezes
"Faz um ano já. Um ano que a presidenta Dilma Rousseff, uma mulher honesta, foi arrancada do cargo para o qual foi reeleita, golpeada por um movimento encabeçado pela mídia comercial, empresários sanguessugas, setores do judiciário e os políticos mais corruptos do país. O que aconteceu desde então? O efeito imediato foi o Brasil decair aos olhos do mundo. Aquele país emergente, que desde a ascensão de Lula ao poder, em 2003, tinha começado a ter voz e a ser respeitado lá fora, voltou a ser uma republiqueta", diz a jornalista Cynara Menezes (Foto: Leonardo Attuch)

Por Cynara Menezes

Faz um ano já. Um ano que a presidenta Dilma Rousseff, uma mulher honesta, foi arrancada do cargo para o qual foi reeleita, golpeada por um movimento encabeçado pela mídia comercial, empresários sanguessugas, setores do judiciário e os políticos mais corruptos do país. Este grupo conseguiu convencer um bando de incautos de que tirar Dilma do cargo era lutar contra a corrupção. E eles caíram que nem patinhos.

O que aconteceu desde então? O efeito imediato foi o Brasil decair aos olhos do mundo. Aquele país emergente, que desde a ascensão de Lula ao poder, em 2003, tinha começado a ter voz e a ser respeitado lá fora, voltou a ser uma republiqueta, um daqueles lugares remotos e atrasados onde ainda acontecem golpes de Estado e funcionários do governo são barrados em aeroportos. A cafonice do presidente ilegítimo veio a calhar para a debacle da nação.

O projeto que foi colocado em curso pelos golpistas é o do partido derrotado, o PSDB, só que piorado. A parte tucana é a venda de todo o patrimônio público brasileiro. É até engraçado como tucano parece ter fetiche por privatizações. É do PSDB também o assassinato da CLT e dos direitos dos trabalhadores, assim como o fim da aposentadoria. De volta ao governo sem votos, a principal função dos tucanos é, como sempre, agradar empresário. Eles inclusive parecem empresários, quando não são.

Leia a íntegra no blog Socialista Morena.

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247