Google vetará notícia falsa de que Bolsonaro é “o político mais honesto do mundo”

Após matéria publicada pelo site BuzzFeed Brasil, o Google não vai mais promover em suas buscas a notíicia falsa de que Jair Bolsonaro é o político mais honesto do mundo; Criado em 2016 pelo site de notícias falsas Folha Brasil, o boato já foi desmentido por diversos sites especializados em checagem de informações

Após matéria publicada pelo site BuzzFeed Brasil, o Google não vai mais promover em suas buscas a notíicia falsa de que Jair Bolsonaro é o político mais honesto do mundo; Criado em 2016 pelo site de notícias falsas Folha Brasil, o boato já foi desmentido por diversos sites especializados em checagem de informações
Após matéria publicada pelo site BuzzFeed Brasil, o Google não vai mais promover em suas buscas a notíicia falsa de que Jair Bolsonaro é o político mais honesto do mundo; Criado em 2016 pelo site de notícias falsas Folha Brasil, o boato já foi desmentido por diversos sites especializados em checagem de informações (Foto: Charles Nisz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A notícia falsa de que o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ) teria sido eleito "o político mais honesto do mundo" não receberá mais destaque nas buscas do Google. Assim, o assistente de voz da empresa — que lia o texto falso quando um usuário perguntava "quem é o político mais honesto do mundo" — também deixará de promover a mentira, informa o BuzzFeed Brasil.

Publicado pelo site Folha Brasil, cujo design imita a Folha de S.Paulo, em 2016, o texto é uma fake news. O boato já foi desmentido por sites especializados em averiguar boatos e notícias falas, como o Boatos.org e o e-farsas.

Em um vídeo que circula no WhatsApp, uma mulher pergunta a um homem em quem ele vai votar para presidente em 2018. "Vou votar no político mais honesto do mundo", ele responde. Em seguida, emenda: "É só perguntar para o Google, eu vi no YouTube, tem uma dica facinha." Por meio de nota, a Google afirmou que o objetivo da busca é oferecer resultados úteis e relevantes aos usuários. Nós claramente não acertamos dessa vez, mas nosso trabalho para melhorar os algoritmos é contínuo.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email