Governo Bolsonaro gasta 17 vezes mais com propaganda no exterior que antecessores

A presidência da República gastou R$ 27,7 milhões com publicidade em 2020 e R$ 11,7 milhões em 2019, despesas que ficam, respectivamente, 5.331% e 12.812% acima da média anual de 2009 até 2018

Jair Bolsonaro e Fabio Wajngarten, ex-chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) e atual secretário-executivo do Ministério das Comunicações
Jair Bolsonaro e Fabio Wajngarten, ex-chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) e atual secretário-executivo do Ministério das Comunicações (Foto: REUTERS/Ueslei Marcelino)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidência da República gastou 17 vezes mais com propaganda no exterior nos dois anos do governo Jair Bolsonaro em comparação com a gestões que o antecederam na última década. Foram pagos R$ 27,7 milhões, em 2020, e R$ 11,7 milhões, em 2019. Os gastos em 2019 e 2020 ficam, respectivamente, 5.331% e 12.812% acima da média anual dos gastos da Presidência de 2009 até 2018. 

Os números constam nos dados de pagamentos e execução contratual do Palácio do Planalto, de acordo com informações publicadas pelo portal Uol.

Nos governos Lula (PT), Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB), o Planalto gastou, no total, R$ 2,14 milhões com propaganda no exterior.

A Secretaria Especial de Comunicação Social do atual governo disse que o aumento das despesas serve para "contrapor percepções equivocadas e descontextualizadas que, por vezes, surgem no cenário internacional". 

Os gastos em publicidade vinham caindo. As despesas caíram de R$ 255,6 milhões em 2018 (valores nominais) para R$ R$ 128,15 milhões em 2020.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email