Governo torrará R$ 37 milhões em propaganda da reforma da Previdência

As peças publicitárias estão sendo produzidas pela agência de publicidade Artplan, sob o slogan "Nova Previdência. Pode perguntar"; a campanha começa a ser veiculada, nesta segunda-feira (20), e deve durar até meados de julho de 2019

www.brasil247.com - Governo torrará R$ 37 milhões em propaganda da reforma da Previdência
Governo torrará R$ 37 milhões em propaganda da reforma da Previdência (Foto: Esq.: Isac Nobrega - PR / Dir.: Antonio Cruz - ABR)


247 - O governo Jair Bolsonaro gastará R$ 37 milhões na nova campanha da reforma da Previdência. As peças publicitárias estão sendo produzidas pela agência de publicidade Artplan, sob o slogan "Nova Previdência. Pode perguntar".

Em cerimônia nesta segunda-feira (20 junto com o presidente, Fábio Wajngarten, chefe da Secom (Secretaria de Comunicação Social), citou todos os dirigentes de redes de televisão presentes no evento e afirmou que todas as mídias são importantes, inclusive as redes sociais.

"Só venceremos os desafios dessa reforma, valorizando a boa comunicação, ética, responsável e transparente".

A campanha começa a ser veiculada, nesta segunda-feira (20), e deve durar até meados de julho de 2019.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email