Homem invade sede da Globo no Rio e faz repórter refém

Um homem invadiu a Rede Globo na tarde desta quarta-feira (10), no Jardim Botânico, e manteve a jornalista Marina Araújo como refém. Ele entrou no local aos gritos de "Globo lixo" e queria ver Renata Vasconcellos. A polícia foi acionada e o homem foi imobilizado e preso

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um homem armado com uma faca invadiu na tarde desta quarta-feira, 10, a sede do Jornalismo da TV Globo, no Jardim Botânico, na zona sul do Rio de Janeiro. 

Segundo site Metrópoles, o homem, ainda não identificado, pulou as catracas de acesso da TV Globo gritando "Globo lixo", e queria ver a jornalista Renata Vasconcellos. Ele fez a repórter Marina Araújo, que estava próximo ao local, de refém. 

O diretor geral de Jornalismo da Rede Globo, Ali Kamel, chegou a negociar com o criminoso, mas o homem foi imobilizado e neutralizado. "A Renata apareceu e o cara soltou a faca, como combinado. Foi preso. Largou a faca e levantou a blusa", afirmou o Metrópoles. 

Assista:

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247