Jornais que formam consórcio do coronavírus publicam anúncio de meia página de médicos favoráveis à cloroquina

Jornais da imprensa tradicional como O Globo e a Folha de S.Paulo, publicaram anúncio de meia página de um manifesto feito por médicos defendendo o que esses profissionais chamam da "correta combinação de medicamentos como a hidrixicloroquina, a invermecticina, a bromaxina". Os remédios não têm comprovação científica para o tratamento da Covid-19

Cloroquina e o informe publicitário publicado na Folha de S.Paulo
Cloroquina e o informe publicitário publicado na Folha de S.Paulo (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jornais da imprensa tradicional como O Globo e a Folha de S.Paulo, publicaram, nesta terça-feira (23), anúncio de meia página de um manifesto feito por médicos que apoiam o uso de "tratamento precoce" para a Covid-19. "Manifestamo-nos a favor da intervenção precoce no tratamento da Covid-19", diz o texto.

O texto do anúncio faz um apelo "à sociedade brasileira, aos colegas médicos, aos órgãos de imprensa, aos Conselhos Regionais de Medicina e ao Conselho Federal de Medicina", pela aplicação do que eles chamam da "correta combinação de medicamentos como a hidrixicloroquina, a invermecticina, a bromaxina", entre outros medicamentos, conforme dito acima, não aprovados pela OMS.

O anúncio foi assinado pela Associação Médicos pela Vida, com sede em Recife (PE). A Associação tem Antonio Jordão de Oliveira Neto, defensor da cloroquina entre outros medicamentos não aprovados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) no combate à Covid-19.

Além da Folha e do Globo, fazem parte do consórcio o Extra e o G1, que são do Grupo Globo, o UOL, que é do grupo Folha e O Estado de S. Paulo.

 

pandemia
Reprodução


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email