Josias: Bonifácio deu mais do que Temer encomendou

"Ele abateu a peça da Procuradoria-Geral da República com requintes de crueldade. Tratou Temer e os ministros palacianos Eliseu Padilha e Moreira Franco como inocentes criaturas, como se nada tivesse sido descoberto sobre eles", lembra o jornalista, sobre a leitura do relatório pelo tucano na CCJ 

"Ele abateu a peça da Procuradoria-Geral da República com requintes de crueldade. Tratou Temer e os ministros palacianos Eliseu Padilha e Moreira Franco como inocentes criaturas, como se nada tivesse sido descoberto sobre eles", lembra o jornalista, sobre a leitura do relatório pelo tucano na CCJ 
"Ele abateu a peça da Procuradoria-Geral da República com requintes de crueldade. Tratou Temer e os ministros palacianos Eliseu Padilha e Moreira Franco como inocentes criaturas, como se nada tivesse sido descoberto sobre eles", lembra o jornalista, sobre a leitura do relatório pelo tucano na CCJ  (Foto: Gisele Federicce)

247 - O jornalista Josias de Souza faz uma análise sobre o voto do relator Bonifácio de Andrada, do PSDB, a favor de Temer na CCJ nesta terça-feira 10 e observa que ele fez mais do que o peemedebista havia pedido dele.

"Ele abateu a peça da Procuradoria-Geral da República com requintes de crueldade. Tratou Temer e os ministros palacianos Eliseu Padilha e Moreira Franco como inocentes criaturas, como se nada tivesse sido descoberto sobre eles", destaca o jornalista, em seu blog no UOL

"Alguém que carrega na biografia uma parceria eleitoral com Paulo Maluf e se dispõe a relatar uma denúncia por formação de organização criminosa ou é um cínico ou um tolo. Em nenhuma das duas hipóteses será o relator que a conjuntura exige", escreve Josias.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247