Josias sobre Lula: “Por que esperar mais quatro anos?”

"Eis a pergunta que não cala", completa o colunista; ele diz que o partido lança o Lula-2018, mas que o Lula-já "faz mais nexo"; "Uma pesquisa interna revelaria que 101% do petismo prefere Lula a Dilma. A lei autoriza a troca. Como se fosse pouco, a conjuntura intima o PT a retirar seu craque do banco", diz Josias de Souza

"Eis a pergunta que não cala", completa o colunista; ele diz que o partido lança o Lula-2018, mas que o Lula-já "faz mais nexo"; "Uma pesquisa interna revelaria que 101% do petismo prefere Lula a Dilma. A lei autoriza a troca. Como se fosse pouco, a conjuntura intima o PT a retirar seu craque do banco", diz Josias de Souza
"Eis a pergunta que não cala", completa o colunista; ele diz que o partido lança o Lula-2018, mas que o Lula-já "faz mais nexo"; "Uma pesquisa interna revelaria que 101% do petismo prefere Lula a Dilma. A lei autoriza a troca. Como se fosse pouco, a conjuntura intima o PT a retirar seu craque do banco", diz Josias de Souza (Foto: Gisele Federicce)

247 – O PT lança o Lula-2018, mas o Lula-já "faz mais nexo", escreve o colunista Josias de Souza, em seu blog no Uol. "Por que esperar mais quatro anos?, eis a pergunta que não cala", diz o jornalista (leia aqui a íntegra).

Ele diz que "uma pesquisa interna revelaria que 101% do petismo prefere Lula a Dilma. A lei autoriza a troca. Como se fosse pouco, a conjuntura intima o PT a retirar seu craque do banco".

"Diz-se que Lula rejeita a hipótese da candidatura imediata. No futuro, quem sabe?, costuma responder. Pena. Com a presença de Lula o jogo faria mais nexo, já que as encrencas que ameaçam a reeleição de Dilma nasceram no governo dele", completa Josias.

O colunista lembra que o personagem dessa semana será Paulo Roberto Costa, ex-diretor da Petrobras que vem entregando parlamentares, ministros e governadores após acordo de delação premiada com a Justiça. Segundo Josias, Dilma "vai escorregar no óleo" ao ser chamada para explicar o caso. "Lula representaria melhor o PT nesses compromissos do que Dilma", diz ele.

Conheça a TV 247

Mais de Mídia

Ao vivo na TV 247 Youtube 247