Kotscho: Lulaços com “olê, olá,” se espalham pelo Brasil

"De Manaus a Porto Alegre, do Centro Fashion de Fortaleza ao Mercadão de São Paulo, passando pelo Parque Lage no Rio e o Shopping Beira Mar em Florianópolis, os trompetaços se espalharam, agora também com outros músicos. Nestes Lulaços, já apareceu até um tocador de violino para acompanhas os gritos de 'olê, olá'", reforça o jornalista

Kotscho: Lulaços com “olê, olá,” se espalham pelo Brasil
Kotscho: Lulaços com “olê, olá,” se espalham pelo Brasil (Foto: Dir.: Stuckert)

247 - Durante todo o domingo, "manifestações de apoio a Lula se espalharam em locais públicos de 17 cidades, incluindo as principais capitais, com milhares de pessoas ocupando shoppings, feiras livres e mercados, cantando dançando ao ritmo do “olê, olá” daquele velho jingle de outras campanhas petistas", diz o jornalista Ricardo Kotscho.

"De Manaus a Porto Alegre, do Centro Fashion de Fortaleza ao Mercadão de São Paulo, passando pelo Parque Lage no Rio e o Shopping Beira Mar em Florianópolis, os trompetaços se espalharam, agora também com outros músicos. Nestes Lulaços, já apareceu até um tocador de violino para acompanhas os gritos de 'olê, olá'", acrescentou.

Segundo o jornalista, "nos vídeos que inundaram as redes sociais no domingo, o que mais me chamou a atenção foi a adesão generalizada da freguesia, sem que se notassem protestos contra as manifestações".

"E o horário de propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV ainda nem começou. Desse jeito, o PT vai ter um farto material para exibir, sem gastar nenhum tostão. É a nova forma que surgiu de fazer campanha este ano, sem marqueteiro, sem grana de empreiteiras, sem cabos eleitorais remunerados _ e o TSE não pode fazer nada para impedir. Isso também ajuda a explicar a subida de Lula e do PT nas pesquisas, apesar do bombardeio contra o candidato e o partido, ou da omissão da mídia", afirma. "Há algo de novo no ar que surgiu meio que por acaso, e virou uma onda, a seis meses desta insólita eleição, em que o candidato favorito disparado nas pesquisas continua preso em Curitiba".

Leia a íntegra no Balaio do Kotscho

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247