Leo ao quadrado destaca o boicote à Riachuelo

Stoppa alerta que o consumidor deve investigar as origens de qualquer marca antes de adquirir um produto. “O brasileiro precisa chegar neste nível de consciência, antes de comprar, confirmar o que essa empresa faz para sociedade, se influencia politicamente ou explora o trabalhador”, disse ele, sobre o boicote organizado por consumidores após a aliança entre o MBL e o empresário Flávio Rocha, dono da empresa

Leo ao quadrado destaca o boicote à Riachuelo
Leo ao quadrado destaca o boicote à Riachuelo

TV 247 – O programa “Léo ao quadrado” desta segunda-feira (19) abordou a aliança entre o Movimento Brasil Livre (MBL) e o candidato à presidência da república Flávio Rocha, um dos maiores entusiastas do golpe de 2016 e dono do grupo Riachuelo. 

Leonardo Attuch e Leonardo Stoppa trataram o boicote às lojas Riachuelo uma forma de resistência.  Stoppa alerta que o consumidor deve investigar as origens de qualquer marca antes de adquirir um produto. “O brasileiro precisa chegar neste nível de consciência, antes de comprar, confirmar o que essa empresa faz para sociedade, se influencia politicamente ou explora o trabalhador”.  

Attuch citou algumas atitudes de natureza fascista do MBL. Na última semana o grupo propagou notícias mentirosas sobre Marielle Franco, vereadora do PSOL assassinada na última quarta-feira (14). Kim Kataguiri e outros integrantes do MBL também atacaram direitos trabalhistas de funcionárias da Riachuelo.

Inscreva-se na TV 247 e confira a íntegra do vídeo: 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247