HOME > Mídia

Marcelo Odebrecht decide fazer delação premiada

No dia em que sua empresa foi alvo de uma nova etapa da Lava Jato, na operação Xepa, Marcelo Odebrecht decidiu fazer delação premiada; segundo os investigadores, a empresa tinha uma estrutura para pagar propinas em obras realizadas em todo o País, para políticos de todos os partidos; resta saber se a delação de Marcelo será seletiva, focada apenas no PT, ou generalizada

Marcelo Odebrecht (Foto: Valter Lima)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - Após a 26ª fase da Lava-Jato, batizada de Xepa, que foi deflagrada nesta terça-feira (22), tendo como principal implicado o empreiteiro Marcelo Odebrecht, ele aceitou fazer delação premiada.

Com o que se descobriu a partir da operação Acarajé e o que será revelado após as buscas e prisões desta terça-feira, avaliavam investigadores, era "impossível” a Odebrecht negar seu envolvimento com os desvios da Petrobras e outros crimes. Por isso, os investigadores já esperavam que, depois da Xepa, o empresário aceitaria fechar acordo de delação premiada, a que ele ainda resistia, apesar de ter liberado executivos da empreiteira para colaborar com a Justiça.

A investigação

As investigações da operação Lava Jato identificaram pagamento de propina por parte da Odebrecht além do esquema de corrupção na Petrobras, com irregularidades identificadas na áreas de óleo e gás, ambiental, infraestrutura, e estádios de futebol, entre outras, disse nesta terça-feira o procurador federal Carlos Fernando dos Santos Lima.

Segundo a força-tarefa da Lava Jato, um esquema de contabilidade paralela da empreiteira também realizou pagamentos na Argentina e em Angola. Investigadores da força-tarefa falaram em uma "estrutura profissional de pagamento de propinas dentro da Odebrecht" durante coletiva de imprensa nesta manhã.

Leia mais sobre esta etapa da Lava Jato nestes links:

Lava Jato: mesmo preso, Marcelo pagou propinas

Sergio Moro deflagra Xepa, a fase 26 da Lava Jato

Lava Jato: diretor da Odebrecht é preso em Salvador 

Obra do Aeroporto é investigada na Lava Jato

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: