Secretário de Cultura Mário Frias ataca Adnet após paródia: 'crápula', 'garoto frouxo'

Perfil da Secom do governo Bolsonaro atacou o humorista Marcelo Adnet no Twitter após o secretário Mário Frias ter sido parodiado por ele. No post, Frias chama Adnet de “garoto frouxo e sem futuro”, “crápula” e “Judas”

Marcelo Adnet imitando Mario Frias e Mario Frias
Marcelo Adnet imitando Mario Frias e Mario Frias (Foto: Reprodução | Roberto Castro/Mtur)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Mário Frias, secretário de Cultura do governo Jair Bolsonaro, usou as redes sociais para atacar o humorista Marcelo Adnet  após ter sido parodiado por ele em decorrência de um vídeo publicado pela Secretaria de Comunicação (Secom) anunciando uma ‘bela e grandiosa” série sobre a história do Brasil. Em sua conta no Instagram, Frias chama Adnet de “garoto frouxo e sem futuro”, “criatura imunda”, “crápula” e “Judas”.

“Um palhaço decadente que se vende por qualquer tostão, trocando uma amizade verdadeira, um amor ou sua história por um saquinho de dinheiro e uma bajulada no seu ego infantil e incapaz de encarar a vida e suas responsabilidades morais”, diz um trecho da postagem de Frias. 

Na paródia que provocou a ira do secretário de Cultura, Adnet faz o papel de um Frias perdido, sem ideia do que fazer no cargo que ocupa.  Em resposta a Frias, o humorista usou o Twitter para afirmar que “até o secretário Frias recomendou no Instagram dele! Vale conferir o post!”.

Confira as postagens de Mário Frias e de Marcelo Adnet sobre o assunto. 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email