Modelos acusam donos da Playboy Brasil de assédio

Oito modelos que fizeram um trabalho de recepção para a revista Playboy Brasil agora acusam André Luís Sanseverino e Marcos Aurélio de Abreu, dois dos donos da publicação, de assédio sexual; as mulheres afirmam que os empresários teriam pedido fotos nuas e favores sexuais em troca de trabalhos na revista e em outras mídias; em reportagem exibida pelo “Fantástico” da TV Globo neste domingo (24), as modelos se pronunciaram e mostraram uma série de conversas por mensagens de celular com Sanseverino

Oito modelos que fizeram um trabalho de recepção para a revista Playboy Brasil agora acusam André Luís Sanseverino e Marcos Aurélio de Abreu, dois dos donos da publicação, de assédio sexual; as mulheres afirmam que os empresários teriam pedido fotos nuas e favores sexuais em troca de trabalhos na revista e em outras mídias; em reportagem exibida pelo “Fantástico” da TV Globo neste domingo (24), as modelos se pronunciaram e mostraram uma série de conversas por mensagens de celular com Sanseverino
Oito modelos que fizeram um trabalho de recepção para a revista Playboy Brasil agora acusam André Luís Sanseverino e Marcos Aurélio de Abreu, dois dos donos da publicação, de assédio sexual; as mulheres afirmam que os empresários teriam pedido fotos nuas e favores sexuais em troca de trabalhos na revista e em outras mídias; em reportagem exibida pelo “Fantástico” da TV Globo neste domingo (24), as modelos se pronunciaram e mostraram uma série de conversas por mensagens de celular com Sanseverino (Foto: José Barbacena)

247 - Oito modelos que fizeram um trabalho de recepção para a revista Playboy Brasil agora acusam André Luís Sanseverino e Marcos Aurélio de Abreu, dois dos donos da publicação, de assédio sexual.

As mulheres afirmam que os empresários teriam pedido fotos nuas e favores sexuais em troca de trabalhos na revista e em outras mídias. Em reportagem exibida pelo “Fantástico” da TV Globo neste domingo (24), as modelos se pronunciaram e mostraram uma série de conversas por mensagens de celular com Sanseverino.

Todas as denunciantes participaram de um evento da revista Playboy Brasil , no dia 13 de agosto de 2016, em Florianópolis, como recepcionistas. Vestidas de coelhinhas, grande ícone da marca, elas tiraram fotos com os donos e convidados na festa que marcava o relançamento da publicação, que teve seus direitos no Brasil adquiridos por Sanseverino, Abreu e um terceiro sócio, Edson de Oliveira, após desvinculação do grupo editoria Abril. Já durante o evento, as modelos alegam que Abreu teria as assediado.

A venda da Playboy

No final de 2015 a Editora Abril, que detinha os direitos de publicar a revista Playboy no Brasil, comunicou a Playboy Enterprises, donos da marca nos Estados Unidos, que não possuia mais interesse no título e, seguindo normas contratuais, deu prazo de um ano para os americanos encontrarem um novo parceiro no Brasil. A Playboy americana selecionou então um pequeno grupo de empresas brasileiras com vasta experiência no setor de revistas para abrir uma concorrência, mas para a surpresa de todos, escolheu como nova representante uma empresa sem nenhum histórico no mundo editorial de publicação de revistas.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247