CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mídia

Morte de Bin Laden é isca para vírus

Mensagens falsas que circulam na internet convidam usurio a ver vdeos e fotos do lder da Al-Qaeda

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Como era de se esperar, a morte do líder da Al-Qaeda Osama Bin Laden já virou isca para a circulação de vírus na internet menos de um dia após o ocorrido, na noite deste domingo. A empresa de segurança virtual McAfee divulgou um comunicado de alerta aos internautas, em que cita algumas mensagens falsas já existentes: “Veja o vídeo em que Osama bin Laden aparece segurando um jornal com a data de hoje e invalida sua possível morte anunciada por Obama” e links com as seguintes descrições “OSAMA-BIN-Laden-aparece-segurando-jornal-com-a-data-de-hoje-obama-se-passa-por-mentiroso.exe”, “fotos-do-osama-morto.exe” e “pictures-of-osama-dead.exe”.

A empresa recomenda evitar abrir este tipo de mensagem. “Este tema é um fato sedutor demais para que os cibercriminosos e os golpistas deixem passar em branco, aproveitando para lançarem spams, phishing, arquivos anexos infectados com o intuito de atacar o internauta para capturar dados pessoais para obter ganho financeiro”, alerta a McAfee. Na mensagem que sugere a existência de um vídeo de Bin Laden com o jornal, o endereço virtual aparentemente remete a uma página do portal G1, da Globo. O link verdadeiro, porém, vai para outro site, onde o usuário será infectado por vírus capaz de monitorar o acesso a sites de bancos para roubar informações, conforme relatou o próprio G1.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O Brasil não é a única vítima. O site do jornal britânico Daily Mail informa que, entre as buscas que mais se tornaram alvo de ataques no mundo estão “Osama Bin Laden Dead”, “Al Qaeda”, “Nay Seals” e “Obama Address”. Um porta-voz da empresa de segurança Symantec afirmou ao site da revista Secure Computing que, dentro de 24 horas após as primeiras notícias do ataque, já era possível esperar mais de 100 milhões de spams distribuídos via email. Segundo ele, é normal esse tipo de armadilha virtual em ocasiões de grandes eventos.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO