Nassif: Bolsonaro não precisa de inimigos, bastam os filhos

Em artigo para o GGN, o jornalista Luis Nassif analisa os impasses do governo Bolsonaro e os fatores explosivos de crise política, destacadamente o papel do clã. "O governo Bolsonaro não precisa de inimigos. Ele e a família se bastam. Imaginava-se que o primeiro mês de governo seria das cabeçadas. Depois, haveria uma articulação inicial para começar a implementar seus diversos sacos de maldade", diz o jornalista

www.brasil247.com - Nassif: Bolsonaro não precisa de inimigos, bastam os filhos
Nassif: Bolsonaro não precisa de inimigos, bastam os filhos


247 - Em artigo para o GGN, o jornalista Luis Nassif analisa os impasses do governo Bolsonaro e os fatores explosivos de crise, destacadamente o papel do clã. "O governo Bolsonaro não precisa de inimigos. Ele e a família se bastam. Imaginava-se que o primeiro mês de governo seria das cabeçadas. Depois, haveria uma articulação inicial para começar a implementar seus diversos sacos de maldade", diz o jornalista.

Nassif comenta que "o episódio Bebianno mostrou que Jair e filhos são incontroláveis".

Em um trecho do artigo, o jornalista ressalta: "O pai é emocional e politicamente dependente dos filhos. E os filhos são completos sem-noção. O governo Bolsonaro não sobrevive com os filhos no centro dos acontecimentos. E o pai não sobrevive sem eles. Como é que se resolve esse drama nelsonrodriguiano?"

Nassif analisa todo o imbróglio envolvendo Gustavo Bebianno, secretário geral da Presidência, e outros fatores de instabilidade do governo Bolsonaro, as chacinas no Rio de Janeiro, as reformas de Paulo Guedes, a ineficiência da equipe ministerial e chama a atenção para o papel que o general Hamilton Mourão, vice-presidente da república, pode desempenhar.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Leia a íntegra no GGN

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email