O notebook faz 30 anos

Em 1981, o Osborne 1 se tornou o primeiro computador porttil lanado comercialmente; aparelho custava US$ 1.795

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – É possível imaginar um notebook de 10.7 quilos, com uma tela de cinco polegadas? Há exatos 30 anos, ele de fato existiu e por um preço nada razoável para a época: US$ 1.795. O Osborne 1 foi o primeiro computador portátil lançado comercialmente, em 3 de abril daquele ano, pela pioneira americana Osborne Computer Corporation. O responsável pelo designer foi Lee Felsenstein, que se inspirou em um modelo anterior, criado pela Xerox PARC em 1976, mas que não saiu do protótipo.

O equipamento – que rodava o sistema CP/M 2.2 – tinha um disco de memória tão pobre que mal conseguia suportar os arquivos utilizados no dia a dia em um escritório. Mas o produto fez sucesso: a empresa vendeu 11 mil unidades do Osborne nos primeiros oito meses e, em 12 meses, cresceu de dois funcionários – Adam Osborne, seu fundador, e Lee Felsenstein – para uma equipe de três mil pessoas, com uma receita de US$ 73 milhões no primeiro ano. O crescimento foi tão rápido que, ao viajar para um evento que durou uma semana, um dos executivos precisou procurar outro prédio para realocar seus empregados quando voltou. A companhia chegou a lançar mais dois sucessores do Osborne 1, em 1982 e 1983, mas foi incapaz de garantir uma boa posição no mercado e faliu em setembro de 83.

O Osborne 1 foi criado com a intenção de ser portátil, embalado em uma maleta de plástico que já trazia um suporte para ser carregado pelas mãos. Seu tamanho e peso lembrava o de uma máquina de costura da época e foi descrito, em anúncios publicitários, como o único computador capaz de se encaixar abaixo de um assento de avião. A máquina da Osborne Computer é um grande exemplo para avaliar o quanto a indústria da informática evoluiu até hoje, com seus MacBooks e até os modelos mais portáteis, os netbooks, desenvolvido por várias marcas. As máquinas vêm ficando cada vez menores fisicamente e oferendo espaços de memórias maiores. Tanto que os celulares inteligentes, mais conhecidos como smartphones, não podem deixar de ser lembrados como um imenso passo tecnológico, visto que são capazes de fazer quase todas as atividades de um notebook, somadas as de um telefone móvel.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email