CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mídia

Pepe Escobar: como Lula e Dilma não perceberam o ataque do império contra o Brasil?

Diante das revelações da Vaza Jato de que o FBI interferiu no processo de perseguição do ex-presidente Lula, o jornalista Pepe Escobar alertou que não se pode subestimar o poder norte-americano e baixar a guarda. Assista na TV 247

Pepe Escobar, Lula e Dilma Rousseff (Foto: Brasil247 | Stuckert | Reuters)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - No contexto das novas revelações da Vaza Jato, de que o FBI interagiu e interferiu na Lava Jato e no processo de perseguição do ex-presidente Lula, o jornalista Pepe Escobar, em conversa com a TV 247, analisou a ofensiva do império estadunidense contra o Brasil e questionou: como os ex-presidentes Lula e Dilma não perceberam o ataque e não providenciaram o aumento de suas defesas?

Analista dedicado das guerras híbridas, Pepe Escobar alertou que não se pode brincar diante da capacidade de influência e poder dos Estados Unidos. “É a pergunta que eu faria pessoalmente em uma próxima conversa com o presidente Lula e com a presidente Dilma. Eu perguntaria diretamente a eles dois: como é que vocês não viam que o império ia cair matando como caiu? Eu quero muito ter essa resposta deles dois porque eu quero exportar essa resposta para os russos, para os chineses, para os iranianos, para os turcos, os paquistaneses. Eu já ouvi isso de vários analistas: ‘como é que eles não perceberam?’, ‘eles estão no mesmo continente’. Você não pode brincar com a maquinaria do império. Se eles são capazes de fazer isso com a Rússia e China, que são os dois mais potentes, eles fazem com todo mundo. No Brasil deu certo [a guerra híbrida], foi fácil, eles conseguiram destruir [as empresas] campeãs nacionais”.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Inscreva-se na TV 247 e assista à entrevista na íntegra:

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO