PT: 'IstoÉ publica seu epitáfio editorial na capa'

Bancada do PT no Senado repudia a revista IstoÉ, que em sua capa na edição deste final de semana traz mais uma matéria tentando envolver o ex-presidente Lula na Operação Lava Jato; 'A matéria da IstoÉ, inventada, e sem qualquer prova, atropela as mínimas regras do jornalismo, mas principalmente ultrapassa todos os limites da honestidade. Mais do que acusar Lula, a capa da IstoÉ é um definitivo epitáfio na lápide da publicação que insiste em atacar o PT para facilitar a destruição do Estado nacional e a entrega do país aos interesses externos', diz a nota

Bancada do PT no Senado repudia a revista IstoÉ, que em sua capa na edição deste final de semana traz mais uma matéria tentando envolver o ex-presidente Lula na Operação Lava Jato; 'A matéria da IstoÉ, inventada, e sem qualquer prova, atropela as mínimas regras do jornalismo, mas principalmente ultrapassa todos os limites da honestidade. Mais do que acusar Lula, a capa da IstoÉ é um definitivo epitáfio na lápide da publicação que insiste em atacar o PT para facilitar a destruição do Estado nacional e a entrega do país aos interesses externos', diz a nota
Bancada do PT no Senado repudia a revista IstoÉ, que em sua capa na edição deste final de semana traz mais uma matéria tentando envolver o ex-presidente Lula na Operação Lava Jato; 'A matéria da IstoÉ, inventada, e sem qualquer prova, atropela as mínimas regras do jornalismo, mas principalmente ultrapassa todos os limites da honestidade. Mais do que acusar Lula, a capa da IstoÉ é um definitivo epitáfio na lápide da publicação que insiste em atacar o PT para facilitar a destruição do Estado nacional e a entrega do país aos interesses externos', diz a nota (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em nota, a bancada do PT no Senado repudia a revista IstoÉ, que em sua capa na edição deste final de semana traz mais uma matéria tentando envolver o ex-presidente Lula na Operação Lava Jato.

'A matéria da IstoÉ, inventada, e sem qualquer prova, atropela as mínimas regras do jornalismo, mas principalmente ultrapassa todos os limites da honestidade. Mais do que acusar Lula, a capa da IstoÉ é um definitivo epitáfio na lápide da publicação que insiste em atacar o PT para facilitar a destruição do Estado nacional e a entrega do país aos interesses externos', diz a nota. Leia a íntegra abaixo.

NOTA OFICIAL| IstoÉ publica seu epitáfio editorial na capa

Em sua capa deste final de semana a revista IstoÉ traz mais uma matéria tentando envolver o presidente Lula na Operação Lava Jato. Desta vez, o "furo" de reportagem tem como fonte um alucinado cidadão que não resiste a uma pesquisa nas redes sociais. "Sócio de um ex-acionista da Camargo Correa" – morto há cinco anos (!), Davincci Lourenço de Almeida é um "ativista" da intervenção militar e "autor" de outras denúncias também sem pé nem cabeça (vejam os vídeos no Youtube).

A matéria da IstoÉ, inventada, e sem qualquer prova, atropela as mínimas regras do jornalismo, mas principalmente ultrapassa todos os limites da honestidade. Mais do que acusar Lula, a capa da IstoÉ é um definitivo epitáfio na lápide da publicação que insiste em atacar o PT para facilitar a destruição do Estado nacional e a entrega do país aos interesses externos. Não por acaso, a revista Isto É foi a maior beneficiada com os aumentos proporcionais de verbas governamentais – 340% desde que Michel Temer assumiu.

Com esta capa, a revista IstoÉ traduz de forma grotesca o desespero do governo golpista e seus mentores e apoiadores diante da última pesquisa do CNT/MDA, que deu a Lula a vitória eleitoral em todos os cenários. Alvo número 1 do golpe, Lula provoca a ira dos lacaios entreguistas, mas também o reconhecimento e a solidariedade do povo, como mostram os números da pesquisa. Enquanto Lula, o PT e nós senadores do partido no Senado Federal resistimos e avançamos para resgatar a Nação do atoleiro golpista, às publicações como IstoÉ está reservada a lata de lixo da história.

Brasília, 18 de fevereiro de 2017.

Bancada do PT no Senado

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247