Record pautou reportagem com “invasões violentas” do MTST para atacar Boulos

A pauta da reportagem, produzida a três dias do segundo turno, pede análise de economista para falar dos "perigos do crescimento" de movimentos de moradia, que têm ligação com o candidato do PSOL, Guilherme Boulos

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - Faltando três dias para as eleições municipais, a direção da TV Record encomendou aos jornalistas do Jornal da Record uma reportagem para mostrar “os perigos do crescimento” do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) em São Paulo, relembrando casos de “invasões violentas que o jornalismo da Record TV já mostrou” para atacar o crescimento do candidato do PSOL, Guilherme Boulos, historicamente ligado às lutas populares por moradia, que disputa o segundo turno das eleições à prefeitura de São Paulo contra Bruno covas (PSDB).

A Fórum teve acesso à pauta da reportagem encomendada à produção, que causou revolta entre os jornalistas do Jornal da Record.

“Vamos fazer uma matéria para mostrar como o movimento sem teto cresceu nos últimos anos. Somente aqui na capital paulista há 371 imóveis ocupados, segundo a prefeitura. Vamos falar com um economista que fará uma análise crítica sobre esses movimentos, os perigos do crescimento dele, e quais as soluções para este problema nas grandes cidades. Vamos relembrar casos de invasões violentas que o jornalismo da RecordTV já mostrou e dar os dados sobre esses problemas”, diz o texto enviado aos produtores.

Leia mais na Fórum.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247