Roberto Jefferson faz ataque homofóbico e racista contra ministros do STF: “gostam de negão” e “usam saia”

Novo aliado do governo Bolsonaro, Roberto Jefferson, promoveu graves ofensas contra ministros do Supremo Tribunal Federal, com ataques homofóbicos e falas racistas

PTB de Roberto Jefferson decide apoiar Bolsonaro no 2º turno
PTB de Roberto Jefferson decide apoiar Bolsonaro no 2º turno (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

DCM - Em entrevista ao canal ‘Questione-se’ nesta segunda-feira (20), do bolsonarista Renato Barros, o novo aliado do governo Bolsonaro, Roberto Jefferson, promoveu graves ofensas contra ministros do Supremo Tribunal Federal, com ataques homofóbicos e falas racistas.

‘Tem dois ministros lá que tem esses gostos(…) tem dois ministros que são meninas. Tem ministros de rabo preso e dois de rabo solto, conhecidos. Um é o (sic) Carmen Miranda, e o outro é Lulu boca de veludo (…) e eles querem fazer pauta de gênero, porque eles ainda não encontraram o deles (…) tem dois sodomitas ministros’, afirmou.

Veja abaixo:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247