Samsung desafia crise e registra lucro recorde

A diviso de celulares da sul-coreana foi a responsvel pela alta de 12% no trimestre, em relao ao perodo anterior, deixando a gigante Apple para trs em vendas

Samsung desafia crise e registra lucro recorde
Samsung desafia crise e registra lucro recorde (Foto: DIVULGAÇÃO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A Samsung Electronics, que no terceiro trimestre ultrapassou a Apple como a maior fabricante mundial de smartphones do mundo, desafiou a desaceleração da economia global, e registrou um lucro recorde no quarto trimestre de 2011. A façanha se deve, especialmente a unidade de celulares.

A empresa sul-coreana disse hoje que seu lucro operacional estimado para o período de outubro a novembro é de US$ 4,5 bilhões, o que representa uma alta de 57% sobre o ano anterior e 12% sobre o trimestre passado. Os resultados completos serão anunciados no fim deste mês.

A Samsung atribui as projeções sólidas ao forte desempenho de sua divisão de celulares, reforçado ainda pela venda por US$ 1,4 bilhão de sua unidade de discos rígidos para a Seagate Technology dos EUA. A Samsung também apresentou resistência à queda nos lucros na divisão de chips de memória, com novas fontes de receita como processadores para dispositivos móveis e monitores de última geração OLED.

Há dois anos, a empresa tinha um papel secundário no mercado de smartphones, mas recentemente, como o lançamento de aparelhos hi-tech, como o popular Galaxy, superou a líder Apple em vendas.

A expectativa é que a Samsung bata o recorde de 35 milhões de smartphones vendidos no quarto trimestre, acima dos 27,8 milhões no terceiro trimestre. Os bons resultandos indicam que as batalhas judiciais que enfrenta com a Apple não prejudicaram as vendas da marca. A empresa de Steve Jobs tenta proibir a venda de smartphones e de tablets pois alega que a Samsung tenha copiado seu design e tecnologia.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email