Samsung não vê decisão judicial como palavra final

E promete recorrer da decisão que a obriga a pagar indenização de mais de US$ 1 bilhão à Apple

Samsung não vê decisão judicial como palavra final
Samsung não vê decisão judicial como palavra final (Foto: Lucas Jackson/REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Samsung considerou a decisão de um júri nos Estados Unidos em favor da Apple "uma perda para o consumidor norte-americano" porque isso poderá reprimir a inovação e elevar preços.

A Apple obteve uma vitória arrasadora sobre sua arquirrival depois que um júri nos Estados Unidos decidiu nesta sexta-feira que a companhia coreana copiou características importantes dos populares iPhone e iPad e determinou o pagamento de indenização à gigante norte-americana de 1,051 bilhão de dólares.

"Esta não é a última palavra neste caso ou em batalhas sendo travadas em cortes e tribunais em todo o mundo, alguns dos quais já rejeitaram muitas reivindicações da Apple", afirmou a Samsung em comunicado após a leitura do veredicto.

(Reportagem de Dan Levine)

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email