Sequência "Violência Abortada" ganha Prêmio Esso de Fotografia

Imagem do fotgrafo Epitcio Pessoa, do Grupo Estado, mostra um jovem de 19 anos fugindo amarrado de dois homens, no interior paulista; ele se libertou por causa da chegada do carro da reportagem; veja outras fotos

Sequência "Violência Abortada" ganha Prêmio Esso de Fotografia
Sequência "Violência Abortada" ganha Prêmio Esso de Fotografia (Foto: EPITÁCIO PESSOA/AGÊNCIA ESTADO)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

A foto de arquivo de 16/08/2010 mostra o jovem reciclador Adriano Carlos Gonçalves da Silva, de 19 anos, fugindo amarrado, após escapar de dois homens que o estavam segurando, no bairro Olaria, na cidade de Lorena, interior de São Paulo.

O jovem conseguiu se libertar com a chegada do carro da reportagem do Grupo Estado e o flagrante da cena captado pelo fotógrafo Epitácio Pessoa. Adriano contou que seria executado pelos dois agressores, e depois teria seu corpo jogado no rio Paraíba do Sul.

A sequência de fotos intitulada "Violência Abortada" foi vencedora do Prêmio Esso de Fotografia 2011.


EPITÁCIO PESSOA/AGÊNCIA ESTADO

























EPITÁCIO PESSOA/AGÊNCIA ESTADO

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email