“Só é possível derrotar um golpe com ampla mobilização popular. Essa é a lição que vem da Bolívia”, diz Altman

De acordo com o jornalista Breno Altman, "a razão de fundo da vitória de Luis Arce foi a preservação da impressionante rede de mobilização popular que deixou todo o governo golpista instável". A direita, avalia, subestimou "o MAS, a força popular de Evo (Morales), a organização dos povos indígenas"

Breno Altman e Luis Are com Evo Morales
Breno Altman e Luis Are com Evo Morales (Foto: Felipe L. Gonçalves/Brasil 247 | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em participação no Bom Dia 247 desta segunda-feira (19), o jornalista Breno Altman afirmou ser "importante entender que só é possível derrotar um golpe de estado se você apoia a vida partidiária sob uma ampla organização do povo". Segundo o colunista, essa a lição que a vitória de Luis Arce (Movimento pelo Socialismo, o MAS) deixou para outros países. O ex-presidente Evo Morales, também do MAS, foi afastado no ano passado por um golpe.

De acordo com o jornalista, "a razão de fundo da vitória de Luis Arce foi a preservação da impressionante rede de mobilização popular que deixou todo o governo golpista instável, sem condições nem para reprimir (protestos contrários). E ficou o tempo todo encurralado".

Em sua análise, Altman afirmou haver "uma certa paralisia dos golpistas. Não conseguiriam se unificar ao redor de uma candidatura competitiva". 

"A direita deu um golpe e se dividiu. Decidiram ir para um processo de institucionalização do golpe através das eleições, para não se prepararam. Subestimaram o MAS, a força popular de Evo, a organização dos povos indígenas, meteram os pés pelas mãos tanto na economia como durante a pandemia", acrescentou.

Confira abaixo a análise do jornalista a partir dos 55 min de vídeo:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247