Temer propagou fakenews na ONU, diz Laura Carvalho

A economista Laura Carvalho destacou, em sua coluna nesta quinta-feira, como o discurso de Michel Temer na ONU afetou a credibilidade do Brasil; "em seu discurso na Assembleia-Geral da ONU na terça-feira (19), Michel Temer dedicou-se a garantir um lugar para o Brasil na acirrada concorrência global pela propagação de notícias falsas. Já não era sem tempo. A maestria com que essa atividade vem sendo desempenhada em território nacional rivaliza com o domínio que o presidente dos EUA, Donald Trump, vem demonstrando nessa área", escreve

Laura Carvalho
Laura Carvalho (Foto: Giuliana Miranda)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  A economista Laura de Carvalho criticou duramente o discurso de Michel Temer nas Nações Unidas.

"Em seu discurso na Assembleia-Geral da ONU na terça-feira (19), Michel Temer dedicou-se a garantir um lugar para o Brasil na acirrada concorrência global pela propagação de notícias falsas. Já não era sem tempo. A maestria com que essa atividade vem sendo desempenhada em território nacional rivaliza com o domínio que o presidente dos EUA, Donald Trump, vem demonstrando nessa área.

Além de afirmar que 'está resgatando o equilíbrio fiscal', ignorando as sucessivas frustrações de arrecadação que adiaram para 2022 a previsão de superavit primário, Temer afirmou —pasmem— que seu governo vem concentrando 'atenção e recursos' à preservação da Amazônia.

"´'Pois trago a boa notícia de que os primeiros dados disponíveis para o último ano já indicam diminuição de mais de 20% do desmatamento naquela região. Retomamos o bom caminho e nesse caminho persistiremos', completou.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247