Tijolaço: pesquisa Ibope é suspeitíssima e contradiz tendências consolidadas

O jornalista Fernando Brito, editor do blog Tijolaço, chama a atenção para a discrepância entre as duas últimas pequisas de intenção de voto, uma feita pelo Ibope, instituto ligado à Rede Globo, e outra feita pelo Real Time, empresa contratada da TV Record; na pesquisa divulgada pela Record - no mesmo dia em que o Ibope foi divulgado na Globo - Haddad está 3 pontos acima e Bosonaro, 2 pontos abaixo (comparativamente ao Ibope), enquanto os demais candidatos acusam números similares em ambas as pesquisas; Brito destaca: 'não esquecer que Edir Macedo [dono da Record] declarou apoio a Bolsonaro'

Tijolaço: pesquisa Ibope é suspeitíssima e contradiz tendências consolidadas
Tijolaço: pesquisa Ibope é suspeitíssima e contradiz tendências consolidadas
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Fernando Brito, editor do blog Tijolaço, chama a atenção para a discrepância entre as duas últimas pequisas de intenção de voto, uma feita pelo Ibope, instituto ligado à Rede Globo, e outra feita pelo Real Time, empresa contratada da TV Record. Na pesquisa divulgada pela Record - no mesmo dia em que o Ibope foi divulgado na Globo - Haddad está 3 pontos acima e Bosonaro, 2 pontos abaixo (comparativamente ao Ibope), enquanto os demais candidatos acusam números similares em ambas as pesquisas. Brito destaca: 'não esquecer que Edir Macedo [dono da Record] declarou apoio a Bolsonaro'.

A pensata, publicada no blog Tijolaço ainda sublinha que a pesquisa Ibope é suspeita: "[a pesquisa Real Time / Record] é mais uma a publicar dados contraditórios à suspeitosíssima pesquisa Ibope veiculada pela Globo".

Brito antecipa o que pode ser o Datafolha, nestas condições de guerra de pesquisas: "dependendo do comportamento do Datafolha, talvez não seja possível dizer que é só o PSDB que está desaparecendo nestas eleições. Mas não tenham ilusões: o 'dono' de ambas é a Globo".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247