Trump sofre pressão da mídia para abandonar resistência e reconhecer derrota

'Servirá melhor a si e ao seu país honrando as tradições democráticas e deixando o cargo com dignidade', aconselha, entre outros, o Wall Street Journal

(Foto: REUTERS/Carlos Barría)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Nos meios de comunicação estadunidenses é generalizado o consenso de que Joe Biden ganhou a eleição e é o presidente eleito dos Estados Unidos .

No início da tarde do sábado, em menos de 20 minutos, as principais TVs americanas haviam anunciado a vitória democrata. Pela ordem, CNN, NBC, CBS, MSNBC, ABC e Fox News, informa Nelson de Sá na Folha de S.Paulo.

"Também a agência Associated Press e os jornais NYT, Wall Street Journal e Washington Post. E o portal Drudge Report subiu a manchete, mais do que esperada, “You’re fired”, você está demitido, com foto de um Donald Trump contrariado, amuado", informa o jornalista em sua coluna, assinalando que até o site Breitbart, mais pró-Trump, deu a manchete “Fox News, CNN, MSNBC, AP declaram eleições para Biden”, só acrescentando embaixo a resistência do presidente.

A Fox News, historicamente ligada à direita americana, seguiu dando alguma atenção para a retórica judicial republicana, mas cobrando de tempos em tempos as evidências da suposta fraude.

WSJ e New York Post, jornais do magnata Rupert Murdoch, também dono da Fox News, foram além e publicaram editoriais pressionando o presidente a aceitar a derrota, informa Nelson de Sá.

O Wall Street Journal destacou que Trump não devia estragar seu legado na função com “um ato final de recusa amarga em aceitar uma derrota legítima”. Ou seja, ele “servirá melhor a si e ao seu país honrando as tradições democráticas e deixando o cargo com dignidade”.

O New York Times produziu um vídeo para estimular Trump a conceder a vitória a Biden. Começa dizendo que "na vida há vencedores e há derrotados", sendo a imagem da derrota a seleção brasileira de futebol (imagem acima). E mais: "Quando você perde, é importante fazê-lo com elegância. É a sua vez, Donald. Você consegue. Você perdeu. É hora de ser um bom perdedor."

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247