Um dos maiores jornais do mundo, The Guardian destaca "imprecionante" de Weintraub

Principal periódico inglês dedicou uma matéria à falta de intimidade do ministro da Educação brasileiro com a ortografia

The Guardian destaca erros ortográficos de Abraham Weintraub
The Guardian destaca erros ortográficos de Abraham Weintraub (Foto: Reprodução/The Guardian)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista Fórum - A falta de intimidade do ministro da Educação com a pasta que administra atravessou o mundo e chegou até o Reino Unido. Nesta quinta-feira (9) o periódico inglês The Guardian, considerado um dos maiores jornais do mundo, dedicou toda uma matéria aos erros crassos de Abraham Weintraub.

O mote da reportagem é o último “deslize” do ministro. Na quarta-feira (8),  ao agradecer um afago feito pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), o chefe do MEC parece ter se emocionado e embarcado em mais uma gafe, impressionando os usuários do Twitter com um “imprecionante”. Isso mesmo, o ministro da Educação escreveu a palavra “impressionante” com “c” no lugar do “ss”.

Leia mais na Fórum.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247