Chico Rodrigues, flagrado com dinheiro na cueca, entrará para os 'anais do Senado', ironiza Sakamoto

Jornalista Leonardo Sakamoto ironiza o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), vice-líder do governo flagrado com R$ 30 mil em dinheiro na cueca durante uma operação da PF. Para o colunista, o caso marcará de forma negativa o Senado em 2020

Leonardo Sakamoto e Chico Rodrigues
Leonardo Sakamoto e Chico Rodrigues (Foto: Ag. Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - "Há tantas ironias entuchadas nessa história que ela entrará, certamente, para os anais do Senado", escreve o jornalista Leonardo Sakamoto sobre o senador Chico Rodrigues (DEM-RR), aliado da família Bolsonaro e flagrado com R$ 30 mil em dinheiro vivo na cueca durante uma operação da Polícia Federal. Para o colunista do UOl, o caso marcará de forma negativa o Senado em 2020.

"Agora, a PF quer saber se valores que seriam usados para evitar que pessoas morressem na pandemia estavam escondidos nas nádegas de um dos representantes de Bolsonaro na câmara alta do Congresso Nacional", continuou Sakamoto. 

"E por falar em gostar de dinheiro vivo, ainda tem o Ministério Público de olho nas rachadinhas de outro senador, Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), e de seu exassessor Fabrício Queiroz".

Leia a íntegra no Blog do Sakamoto

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247