Youtube derruba live e suspende canal de Bolsonaro por uma semana após fake news sobre Aids e vacina da Covid

Plataforma retirou do ar a live semanal em que Jair Bolsonaro espalha desinformação sobre a pandemia ao relacionar vacinados com a Aids

(Foto: Reprodução/Facebook)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O Youtube retirou do ar na noite desta segunda-feira (25) a live semanal de Jair Bolsonaro da última quinta-feira (21), em que Bolsonaro espalhou uma mentira que alertava que "vacinados [contra a Covid] estão desenvolvendo a síndrome da imunodeficiência adquirida [Aids]".

"Removemos um vídeo do canal de Jair Bolsonaro por violar as nossas diretrizes de desinformação médica sobre a Covid-19 ao alegar que as vacinas não reduzem o risco de contrair a doença e que causam outras doenças infecciosas", disse o Youtube, em nota.​ O Facebook e Instagram fizeram o mesmo no domingo (24).

Além de retirar o vídeo do ar, o Youtube também suspendeu por uma semana o canal de Jair Bolsonaro. Ele não poderá publicar novos vídeos nesse período. Caso ele volte a publicar um vídeo com desinformações em 90 dias, a suspensão dobrará de tempo.

PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email