Youtuber diz que se envergonha de ter combatido cotas e pregado voto em Bolsonaro

Hícaro Teixeira agora é alvo de racismo e até ameaças de morte por criticar o governo Bolsonaro

Youtuber Ícaro Teixeira
Youtuber Ícaro Teixeira (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Youtuber Hícaro Teixeira, apoiador de Jair Bolsonaro durante a campanha presidencial, se diz arrependido de ter pedido voto ao político e envergonhado por ter defendido pautas como de combate às cotas raciais.

Hoje, ele é alvo de racismo de aliados bolsonaristas por fazer críticas ao governo. “Fui chamado de macaco depois que passei a criticar Bolsonaro”, revelou ao site BuzzFeed News.

Em seu canal, onde se via muitos vídeos pró-Bolsonaro, hoje o conteúdo é diferente. “Fiquei com vergonha e apaguei muita coisa”, admitiu.

“Também percebi que a juventude que foi levada por Bolsonaro se radicalizou durante a eleição, mas somos, na verdade, progressistas, queremos nossas liberdades e ter confiança na democracia”, disse ainda.

Leia aqui a íntegra.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247