Dono do Facebook, Zuckerberg cita exclusão de post de Bolsonaro como exemplo de ação contra fakenews

Mark Zuckerberg afirmou que a rede social retirou post de Jair Bolsonaro dizendo que os cientistas "mostraram" cura para a Covid-19. "Isso obviamente não é verdade e é por isso que a removemos", afirmou

Facebook se defende contra críticos de redes sociais
Facebook se defende contra críticos de redes sociais (Foto: Reuters | ABr)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Um dos fundadores do Facebook, Mark Zuckerberg afirmou que a rede social estava removendo informações falsas sobre o coronavírus e deu o exemplo Jair Bolsonaro. Foi retirada uma alegação do brasileiro de que os cientistas "mostraram" cura para a Covid-19. 

"Isso obviamente não é verdade e é por isso que a removemos. Não importa quem diga isso", disse Zuckerberg em entrevista à rádio pública britânica BBC.

De acordo com o empresário, Facebook removerá da plataforma todo o conteúdo que cause "dano imediato" a qualquer usuário.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247