A retaliação de Teerã

A iminente extradio aos Estados Unidos do diplomata iraniano Nosratollah Tajik, preso no Reino Unido, pode estar por trs da depredao da embaixada britnica no Ir. O episdio promete isolar ainda mais o pas da comunidade internacional

www.brasil247.com - A retaliação de Teerã
A retaliação de Teerã (Foto: Divulgação)


Roberta Namour, correspondente do 247 em Paris – A depredação da embaixada da Grã-Bretanha no Irã fez a França rapidemente agir. Paris condenou com veemência o episódio pelo porta-voz do Ministério dos Assuntos Estrangeiros: "Dada esta violação flagrante e inaceitável da Convenção de Viena sobre Relações Diplomáticas e da gravidade da violência, as autoridades francesas decidiram chamar em consulta o embaixador da França no Irã", disse Bernard Valero em um comunicado.

Centenas de manifestantes pertencentes à milícia Basij, da linha-dura do governo, invadiram a Embaixada do Reino Unido na manhã de terça-feira. Londres acusou o governo do Irã de consentir o ato e deu o prazo de 48 horas para os diplomatas iranianos deixarem seu País. O incidente foi condenado por unânimidade pela comunidade internacional, incluindo China e Rússia, ambos parceiros do Irã, o que promete mergulhar o regime em um crescente isolamento econômico.

Após o ataque, políticos e observadores se questionam sobre os verdadeiros motivos deste ato. O mais provável entre eles vai muito além do apoio do País a uma intervenção armada contra o projeto nuclear do Irã. Nosratollah Tajik, antigo embaixador iraniano na Jordânia, está preso há cinco anos na Grã-Bretanha. Ele é acusado de tentar comprar equipamentos eletrônicos proibidos, entre eles binóculos noturnos, para as forças armadas iranianas. Perseguido pela justiça americana, o diplomata está ameaçado de extradição para os Estados Unidos.

Em várias ocasiões, personalidades políticas tentaram alertar o governo britânico contra essa extradição. Com a campanha agressiva contra a embaixada, os radicais iranianos pretendiam endereçar um forte sinal à Londres. Se a transferência para os Estados Unidos acontecer, as relações entre a Grã-Bretanha e o Irã prometem se azedar ainda mais.

Acusado pelos países ocidentais de construir uma arma nuclear, o Irã fui punido com medidas que reduzirão dramaticamente seu acesso ao sistema financeiro internacional. As sanções também atingirão o setor petrolífero, o mais importante da economia iraniana.A provocação desta semana pode custar ainda mais caro para a Teerã e legitimar a campanha de Israel contra o país.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email