A Rússia vai encarar a recusa de pagar o gás em rublos como quebra de contrato, diz Putin

Na quinta-feira (31), o presidente russo assinou o decreto estipulando que compras do gás russo por países hostis devem ser feitas mediante pagamento em rublos

www.brasil247.com - Presidente russo, Vladimir Putin
Presidente russo, Vladimir Putin (Foto: Sputnik/Ramil Sitdikov/Kremlin via REUTERS)


TASS - Se os compradores de gás de países hostis se recusarem a pagar em rublos, a Rússia verá isso como quebra de contrato, disse o presidente Vladimir Putin durante uma reunião nesta quinta-feira (31).

"Se esses pagamentos [em rublo] não forem feitos, consideraremos que isso é uma falha dos compradores em cumprir os compromissos com todas as implicações decorrentes", disse Putin.

Putin assinou na quinta-feira o decreto que estipula a aceitação de pagamentos de gás em rublos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email