"Acusar o Irã de produzir armas nucleares é ignorância"

A afirmao foi feita ontem pelo presidente do Ir, Mahmoud Ahmadinejad, que faz um tour pela Amrica Latina

"Acusar o Irã de produzir armas nucleares é ignorância"
"Acusar o Irã de produzir armas nucleares é ignorância" (Foto: RAHEB HOMAVANDI/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil - Em visita à América Latina, o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, disse ontem (9) em Caracas, na Venezuela, que acusar os iranianos de produzir armas nucleares é uma ignorância da comunidade internacional. "Eles dizem que fazemos bombas, isso é ignorância", reagiu. A afirmação ocorre no momento em que especialistas estrangeiros insistem em dizer que há enriquecimento ilícito de urânio no programa nuclear iraniano.

Desde 2010, o Irã sofre uma série de sanções econômicas, comerciais e financeiras fixadas pela maior parte da comunidade internacional. Para ela, o programa nuclear do Irã é suspeito, pois houve dificuldade de fiscalização das usinas e há sinais de irregularidades – sob o ponto de vista da legislação internacional. Os iranianos negam as suspeitas.

Ahmadinejad faz uma visita de cinco dias à América Latina. Inicialmente, ele foi à Venezuela, depois seguirá para a Nicarágua, o Equador e Cuba. Na passagem por Caracas, os presidentes iraniano e venezuelano, Hugo Chávez, reiteraram as parcerias políticas, econômicas e comerciais. Em discursos, eles disseram estar unidos sob os slogans de justiça, liberdade, independência, prosperidade bem-estar e desenvolvimento “de todos os povos do mundo”.

"Somos duas pessoas [ele, Ahmadinejad, e Chávez] contra a ganância do dominador arrogante. Resistimos a tudo isso e defendemos nossos direitos", disse Ahmadinejad. “Nós nos sentamos aqui para servir ao povo e criar oportunidades de prosperidade e desenvolvimento industrial."

Paralelamente, foram firmados acordos para promoção e cooperação comercial e industrial, destacando os projetos de construção conjunta. Não foram definidos prazos, mas feitos planos e traçadas metas.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email