Alberto Fernández lembra três anos da prisão política de Lula e ex-presidente agradece

Lula agradeceu postagem nas redes sociais feita pelo presidente da Argentina, Alberto Fernández, que relembrou que neste dia sete de abril, do ano de 2018, o petista foi preso arbitrariamente pela operação Lava Jato, com o objetivo de manipular processo eleitoral de 2018

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Lula agradeceu postagem nas redes sociais feita pelo presidente da Argentina, Alberto Fernández, que relembrou que neste dia sete de abril, do ano de 2018, Lula foi preso arbitrariamente pela operação Lava Jato, com o objetivo de manipular processo eleitoral, elegendo de forma fraudulenta Jair Bolsonaro. 

“Faz 3 anos que  @LulaOficial se entregou à polícia por uma causa armada e manipulada para impedi-lo de participar do processo eleitoral. Por isso teve e tem meu apoio e meu compromisso de acabar com a arbitrariedade judicial que condiciona as democracias da região”, disse o presidente. 

Na sequência, Lula compartilhou a mensagem de apoio e agradeceu Fernández.  “Obrigado, caro colega, pela sua solidariedade e pelo seu compromisso com a justiça e a verdade. Um grande abraço do Brasil”.

O político argentino visitou Lula na companhia do ex-chanceler e ministro da defesa, Celso Amorim, no dia 4 de julho de 2019,, quando o ex-presidente encontrava-se preso na sede da Polícia Federal de Curitiba.  

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email