Ao The Guardian, diplomatas brasileiros reclamam de decadência do Itamaraty

Funcionários do Ministério das Relações Exteriores reclamam da gestão de Ernesto Araújo e afirmam que o titular da pasta está desmontando a tradição diplomática brasileira. É o que aponta o jornal britânico The Guardian; “Eu sinto desgosto”, disse ao jornal Rubens Ricupero, ex-embaixador brasileiro nos EUA


 Brasilia DF 14 11 2018 O presidente eleito Jair Bolsonaro e o futuro ministro das Relações Exteriores, embaixador Ernesto Fraga Araújo, concedem entrevista à imprensa no CCBB.Valter Campanato/Ag. Brasil
Brasilia DF 14 11 2018 O presidente eleito Jair Bolsonaro e o futuro ministro das Relações Exteriores, embaixador Ernesto Fraga Araújo, concedem entrevista à imprensa no CCBB.Valter Campanato/Ag. Brasil (Foto: Valter Campanato/ABR)

247 - Funcionários do Ministério das Relações Exteriores reclamam da gestão de Ernesto Araújo e afirmam que o titular da pasta está desmontando a tradição diplomática brasileira. É o que aponta o jornal britânico The Guardian, 

“Eu sinto desgosto”, disse ao jornal Rubens Ricupero, ex-embaixador brasileiro nos Estados Unidos. “O que eu ouço dos meus colegas que ainda estão ativos é que, no corpo diplomático, há quase uma completa rejeição ao ministro e às diretrizes atuais … Ele não é levado a sério –nem dentro nem fora do ministério”.

Segundo Roberto Abdenur, ex-embaixador na China, Alemanha e Estados Unidos, “nossas relações exteriores atuais levam o Brasil de volta a um período da história em que o Brasil nem mesmo existia: a Idade Média”.

Para Marcos Azambuja, ex-secretário-geral do Itamaraty, “houve uma mudança –e temo que seja uma mudança para pior”. “Eu não imaginei que isso pudesse acontecer”, acrescentou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247