Mundo

"Apenas esperem, bastardos", diz Medvedev, que promete reação contra todos os mandantes do atentado em Moscou

Vice-presidente do Conselho de Segurança da Rússia prometeu vingança após o ataque mais mortal na Rússia em quase 20 anos

Imagem Thumbnail
Dmitry Medvedev (Foto: TASS)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - O vice-presidente do Conselho de Segurança da Rússia, Dmitry Medvedev, afirmou que as forças de segurança do país irão vingar "todos e cada um" após o ataque terrorista nos arredores de Moscou. 

"Vamos vingar todos e cada um. E aqueles que estão envolvidos, independentemente do país de origem e do estatuto, são agora o nosso principal e legítimo alvo. Apenas esperem, bastardos", escreveu Medvedev na rede social X, neste domingo (24). 

Um tiroteio ocorreu na sexta-feira (22) à noite no local de concertos Crocus City Hall na cidade de Krasnogorsk, nos arredores de Moscou, seguido por um incêndio massivo. Um correspondente da Sputnik que testemunhou o ataque relatou que pelo menos três homens camuflados invadiram o salão de música, atirando nas pessoas à queima-roupa e lançando bombas incendiárias. As autoridades russas disseram que pelo menos 137 pessoas foram mortas no ataque, enquanto Margarita Simonyan, a editora-chefe da RT e do grupo de mídia Rossiya Segodnya, disse que o número de mortos chegou a 143 pessoas.

Onze pessoas foram detidas em conexão com o ataque, incluindo quatro que estavam diretamente envolvidas, disse o Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB). Todos os quatro suspeitos de serem atiradores foram detidos na região russa de Bryansk, que faz fronteira com Belarus e Ucrânia, acrescentou o FSB.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

O tiroteio no salão de concertos na área de Moscou tornou-se o ataque mais mortal na Rússia em quase 20 anos.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO