Autoridades do Líbano acreditam que explosão em Beirute foi acidente, e não ataque

"Os ideólogos que pulam oportunisticamente para culpar o Hezbollah não sabem nada", escreveu no Twitter a jornalista do Líbano Rania Khalek

Bombeiros combatem chamas após explosão em Beirute 04/08/2020
Bombeiros combatem chamas após explosão em Beirute 04/08/2020 (Foto: REUTERS/Mohamed Azakir)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Autoridades do Líbano acreditam que a enorme explosão na capital do país, Beirute, foi causada por um acidente. A informação inicial é de que explosão teve como fonte um grande incêndio em um armazém de fogos de artifício.

A jornalista Rania Khalek, que mora em Beirute, afirmou no Twitter que "os ideólogos que pulam oportunisticamente para culpar o Hezbollah não sabem nada. Até agora, a segurança geral libanesa acredita que foi acidental, não relacionada à política ou a qualquer facção política".

Rania relatou que, de início, achou que o barulho e tremores se tratavam de um terremoto. Ela ainda contou que, por acaso, não estava em seu escritório na hora do estouro, e que poderia estar morta caso estivesse trabalhando. "Muito grata por não estar em casa! Se eu estivesse sentada aqui durante a explosão, provavelmente estaria morta. Ironicamente, saí de casa porque a eletricidade acabou".

Confira o Boletim 247 sobre o assunto:

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247