HOME > Mundo

Bolívia fecha com a Rússia construção de centro nuclear

Governo da Bolívia anunciou ter fechado um acordo de US$ 300 milhões com a estatal russa Rosatom para a construção de um complexo nuclear no arredores de La Paz; "Estamos nos organizando para iniciar o projeto do centro de pesquisa de energia nuclear na cidade de El Alto", afirmou o presidente Evo Morales; ele também anunciou a criação de uma estatal para administrar o centro; convênio, porém, precisa ser aprovado pelo Congresso boliviano

Governo da Bolívia anunciou ter fechado um acordo de US$ 300 milhões com a estatal russa Rosatom para a construção de um complexo nuclear no arredores de La Paz; "Estamos nos organizando para iniciar o projeto do centro de pesquisa de energia nuclear na cidade de El Alto", afirmou o presidente Evo Morales; ele também anunciou a criação de uma estatal para administrar o centro; convênio, porém, precisa ser aprovado pelo Congresso boliviano (Foto: Paulo Emílio)

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A Bolívia anunciou ter fechado um acordo de US$ 300 milhões com a estatal russa Rosatom para a construção de um complexo nuclear no arredores de La Paz. "Estamos nos organizando para iniciar o projeto do centro de pesquisa de energia nuclear na cidade de El Alto", afirmou o presidente Evo Morales. Convênio, porém, precisa ser aprovado pelo Congresso boliviano.

Segundo o acordo, a Rosatom irá atuar na elaboração do projeto, na construção e na operação do centro, que terá finalidades médicas, além de desenvolvimento, pesquisa científica e produção com fins pacíficos.

Morales pediu que o acordo seja ratificado pelo Congresso em um prazo de até duas semanas. Ele também enunciou que será criada uma empresa estatal que terá como responsabilidade administrar o centro nuclear.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista: