Bolsonaro é alvo de protestos em Nova York em dia de Assembleia Geral na ONU: "vergonha brasileira", "desgraça", "mentiroso"

Ele foi recebido no hotel com mais protestos: "tchutchuca do Centrão", "fora Bolsonaro genocida"

www.brasil247.com -
(Foto: Divulgação | Talita Aguiar)


Por Guilherme Levorato, 247 - Após ir a Londres para fazer campanha eleitoral durante o funeral da rainha Elizabeth II, Jair Bolsonaro (PL) chegou a Nova York, onde participa nesta terça-feira (20) da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

O ocupante do Palácio do Planalto foi alvo de protestos na cidade. Uma mega-projeção foi feita no prédio que é sede da ONU em Nova York. As imagens tratavam Bolsonaro como "vergonha brasileira", "desgraça" e "mentiroso".

Ao chegar ao hotel onde está hospedado, Bolsonaro enfrentou um coro barulhento de opositores."Ei Bolsonaro vai para Bangu", cantavam as pessoas. Segundo relatos, "ele e a esposa [Michelle Bolsonaro] entraram visivelmente nervosos" no hotel. 

Havia também bolsonaristas no local, aguardando a chegada de Bolsonaro. 

Os opositores também exibiam faixas e gritavam: "quem quer dinheiro", "casas, apartamentos", "dinheiro vivo", "tchutchuca do Centrão", "pobres de direita", "fora Bolsonaro genocida", "Lula vai cuidar", "paz, amor, Lula".

 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email