Brasil vai auxiliar nas buscas por submarino argentino desaparecido

Brasil enviou três embarcações e colocou à disposição duas aeronaves para auxiliar nas buscas do submarino argentino ARA San Juan; com 44 tripulantes, a embarcação sumiu dos radares na quarta-feira (15) enquanto navegava na região sul da Argentina; de acordo com a imprensa local, o submarino perdeu o contato enquanto realizava operações rotineiras e houve um incêndio em suas baterias; Marinha da Argentina, entretanto, não confirma o incidente e diz que ventos fortes e ondas estão dificultando as buscas

Submarino argentino Ara San Juan, que desapareceu durante manobras
Submarino argentino Ara San Juan, que desapareceu durante manobras (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O Brasil enviou três embarcações e colocou à disposição duas aeronaves para auxiliar nas buscas do submarino argentino ARA San Juan. Com 44 tripulantes, a embarcação sumiu dos radares na quarta-feira (15) enquanto navegava na região sul da Argentina.

De acordo com a imprensa local, o submarino perdeu o contato enquanto realizava operações rotineiras e houve um incêndio em suas baterias. A Marinha da Argentina, entretanto, não confirma o incidente e diz que ventos fortes e ondas estão dificultando as buscas.

"Estamos comprometidos a utilizar todos os recursos nacionais e internacionais que sejam necessários para recuperar o submarino ARA San Juan o mais cedo possível", disse o presidente Mauricio Macri no Twitter.

Em operação desde 1985, o ARA San Juan passou por um processo de reparos de 2008 à 2014 para garantir mais 30 anos de operação. Quando da sua "reinauguração", a então presidente Cristina Kirchner participou do evento.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247