CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Mundo

Cardeal pagou US$ 10 mi em casos de abusos sexual

O americano Roger Mahony, que participa do conclave para a escolha do novo papa, é acusado de proteger de investigações policiais um padre que havia confessado ter abusado sexualmente de crianças; a arquidiocese de Los Angeles já pagou mais de US$ 700 milhões em acordos a cerca de 550 vítimas violentadas sob a vista grossa do cardeal

Cardeal pagou US$ 10 mi em casos de abusos sexual
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – Entre os 115 cardeais que estão reunidos em Roma para a escolha do novo papa, figura o americano Roger Mahony, envolvido em escândalos de abuso sexual. Ele e um ex-padre concordaram em pagar quase US$ 10 milhões em um acordo extrajudicial em relação a quatro casos contra menores. Segundo informações divulgadas pelo Globo, a arquidiocese de Los Angeles já pagou mais de US$ 700 milhões a cerca de 550 vítimas violentadas, aparentemente, sob a vista grossa do cardeal.

Segundo a acusação, Mahony enviou o padre que havia confessado ter abusado sexualmente de uma criança para tratamento fora do estado da Califórnia, protegendo-o de investigações policiais. Após seu retorno, o molestador confesso voltou a agir.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Desde 1992, quando escândalos de abusos sexuais começaram na Igreja Católica dos EUA, bilhões de dólares foram gastos em acordos judiciais, levando inúmeras dioceses à falência.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando os comentários...
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO