Cassado pela Câmara de Curitiba, Renato Freitas será recebido pelo Papa

Após participar de uma manifestação antirracista em uma igreja, Freitas encontra líder mundial da Igreja Católica em setembro

www.brasil247.com - Renato Freitas
Renato Freitas (Foto: Reprodução/Twitter)


Do Opera Mundi - Cassado pela segunda vez pela Câmara de Curitiba, Renato Freitas será recebido pelo Papa Francisco, líder mundial da Igreja Católica, no Vaticano, nem setembro. A informação foi divulgada pela equipe de advogados do mandatário nesta sexta-feira (05/08).

Vereador pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Freitas está tendo seu mandato cassado após participar de um protesto contra o racismo em uma igreja no Paraná.

“A audiência com o Papa, no Vaticano, sela o apoio da igreja a Renato Freitas e aos manifestantes que entraram na igreja em fevereiro”, disse o jornal Plural Curitiba.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo o site, o então vereador, em fevereiro, entrou na Igreja do Rosário de Nossa Senhora dos Pretos durante uma manifestação antirracista e que, apesar da acusação, a missa do local já estava encerrada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o site paranaense, o padre da igreja, Luiz Haas, compareceu à sessão de cassação do mandato de Freitas. Também afirmou que a Cúria da Igreja Católica, órgão administrativo da instituição, “considera a cassação uma punição excessiva”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email