Chanceler informal, filho de Bolsonaro usa boné de Trump e anuncia embaixada em Jerusalém

O chanceler informal do Brasil, Eduardo Bolsonaro, anunciou a mudança da embaixada do Brasil em Israel para Jerusalém; a decisão contraria os interesses econômicos nacionais, que exporta bilhões para os países árabes, e prova que Jair Bolsonaro quer converter o Brasil em colônia dos Estados Unidos; decisão também afronta o vice Hamilton Mourão, que disse que tal mudança não poderia ser feita de “orelhada”

Chanceler informal, filho de Bolsonaro usa boné de Trump e anuncia embaixada em Jerusalém
Chanceler informal, filho de Bolsonaro usa boné de Trump e anuncia embaixada em Jerusalém (Foto: Paola de Orte/Agência Brasil)

247 - Atuando como chanceler informal do governo eleito de Jair Bolsonaro nos Estados Unidos, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) afirmou nesta terça-feira, 27, em Washington, que a transferência da embaixada brasileira em Israel de Tel Aviv para Jerusalém está decidida.

"A questão não é perguntar se vai, a questão é perguntar quando será", afirmou Eduardo, em almoço na Câmara de Comércio dos Estados Unidos.

A mudança da embaixada do Brasil em Israel pode trazer sérias consequências para as relações econômicas do Brasil com os países árabes. No início de novembro, contudo, após o cancelamento de um compromisso diplomático com o Brasil pelo Egito, Jair Bolsonaro afirmou que a mudança ainda não estava decidida.

Sobre retaliações de países árabes por conta da medida, Eduardo Bolsonaro disse que o apoio do Brasil a políticas contra o regime de Teerã, em mais um alinhamento com a política externa dos Estados Unidos, poderia diminuir o desgaste do Brasil com esses países. "A maioria ali é sunita, veem com grande perigo o Irã", afirmou. "Quem sabe apoiando políticas para frear o Irã, que quer dominar aquela região, a gente não consiga um apoio desses países árabes."

Juntas, nações árabes são o segundo maior comprador de proteína animal brasileira. As exportações somaram US$ 13,5 bilhões em 2017 e o superávit para o Brasil foi de US$ 7,17 bilhões.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247